NUZMAN… O “DONO” DO ESPORTE?!

PARECE PIADA, NÉ?!

Mas PASMEM! Não é não…

Vich, usei a palavra “NUZMAN” no título do post… Acho que vou ser processado! Essa “palavra” deve ter restrições também…

Putz, estou ferrado!!!

“(…)De acordo com matéria publicada pelo Congresso em Foco nesta segunda-feira (19), Nuzman enviou no final do ano passado ao presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), sugestões para alterar duas leis que regularão os jogos para assegurar direitos de exclusividade para todas as expressões diretamente relacionadas com as Olimpíadas de 2016.

A restrição vai além. Atinge até o numeral “2016”. Mais do que isso: poderá ser necessária a aprovação de Nuzman para usar o nome da cidade do Rio de Janeiro – sob pena de responder a processo judicial por perdas e danos e concorrência desleal –, já que a palavra “Rio” também consta na lista de restrições do COB. Até mesmo o termo “patrocinador”, usado por um sem número de diferentes atividades comerciais, está na lista.(…)”.

Então nosso querido webmaster Julian, criou a nova forma de referir-se ao JOGOS OLÍMPICOS RIO 2016:

Ai, essa não, errei de novo… Vou ser duplamente processado agora! Ai, ai, ai…!

About Eduardo Fischer

Eduardo Fischer é catarinense e natural de Joinville. Ex-Atleta Olímpico de natação da seleção brasileira e medalha de bronze no Mundial de Moscou, Fischer defendeu o país em dois Jogos Olímpicos (Sydney/2000 e Atenas/2004), 6 Campeonatos Mundiais e 1 Pan-Americano (Prata e Bronze). Bacharel em Direito e Advogado pela OAB/SC, Eduardo é especialista em Direito Empresarial pela PUC/PR e em Direito Tributário pela LFG/SP. Atualmente aposentado das piscinas, trabalha com Consultoria Tributária em um respeitado escritório de Advocacia (CMMR Advogados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *