TRISTE REALIDADE…

Mensagem enviada por um leitor (indignado) do blog.

Não irei revelar sua identidade por motivos óbvios…

“Prezado Fischer, fui um fã seu como atleta e agora sou seu fã como um DIVULGADOR de notícias e bastidores da nossa tão amada natação.

Fiquei muito feliz quando soube que você e o Julian iriam tentar concorrer a presidencia da CBDA.

Bom mas meu assunto não é esse, mas tem completa relação com a CBDA.

É o seguinte: estamos a pouco mais de um mês da ÚLTIMA seletiva para o Mundial de Barcelona, que será o Troféu Maria Lenk agora em abril, e ainda ainda não temos nem os índices para participação dos atletas para o referido Torneio ML.

Grandes clubes e seus melhores atletas como, Pinheiros/SP, Sesi/SP, Corinthians/SP, Minas/MG, etc, já estão praticamente garantidos no ML.

Mas nós de clubes menores: como vamos direcionar a nossa periodização para os nossos atletas que tem a possibilidade de participar de um campeonato de tamanha importancia?

E tem mais, como vamos fazer para periodizar de forma adequada os nossos atletas de categorias infantil, juvenil, júnior, e até mesmo sênior, em campeonatos brasileiros?

Isso é uma vergonha!!”
_________________________________________

Nota do Fischer:

Eu já “cansei” de comentar que a CBDA peca MUITO nos quesitos: planejamento, criterios, incentivo, fomento, investimento na base, etc. (bom, na verdade eu não cansei, é só força de expressão, pois continuarei falando sobre o assunto…rsrs).

Nosso amigo amigo tem toda razão, a CBDA não se preocupa com os clubes menores e muito menos com planejamento. É vergonhoso!

Entretanto, a verdade dói mas é única: Os responsáveis por isso são os presidentes das federações Estaduais! Devemos ir até eles e cobrar isso deles! Afinal, foram eles quem elegeram o Coaracy por mais 4 anos!!!

É através deles que temos que cobrar melhorias para os clubes e atletas de cada Unidade Federada. Afinal, o poder “democrático” teoricamente emana deles, pois representam os clubes e seus atletas (esses, lamentavelmente não votam).

Nós (Eu e o Julian), fizemos nossa parte. Pedimos o “aval” de todos as federações para registro “válido” da chapa. Mas nenhuma nos deu esse “apoio”. Todavia, mesmo assim, registramos a referida oposição. Contudo, depois de tudo isso, qual a conclusão que chegamos?! Todos satisfeitos com a péssima administração do Sr. Coaracy.

Minha sugestão: Jogue TODA responsabilidade no presidente da sua federação, pois ele é SIM RESPONSÁVEL! Importune ele, diga que o sistema de hoje está ERRADO! Manifeste sua indignação TODOS OS DIAS até ele cansar de você! Até ele perceber que deveria ter apoiado a oposição, pois a atual não é a melhor…!!!

Apesar de nós (atletas e técnicos) não termos direto à voto, podemos fazer pressão para que quem vota (presidente de federação) arrependa-se de seus atos, e pense melhor da próxima vez que quiser eleger a situação por “aclamação”.

UM ABRAÇO!

FISCHER.

About Eduardo Fischer

Eduardo Fischer é catarinense e natural de Joinville. Ex-Atleta Olímpico de natação da seleção brasileira e medalha de bronze no Mundial de Moscou, Fischer defendeu o país em dois Jogos Olímpicos (Sydney/2000 e Atenas/2004), 6 Campeonatos Mundiais e 1 Pan-Americano (Prata e Bronze). Bacharel em Direito e Advogado pela OAB/SC, Eduardo é especialista em Direito Empresarial pela PUC/PR e em Direito Tributário pela LFG/SP. Atualmente aposentado das piscinas, trabalha com Consultoria Tributária em um respeitado escritório de Advocacia (CMMR Advogados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *