EXCELENTES MATÉRIAS

Muito boas as matérias do Sr. Marcelo Laguna.

Abraço! FISCHER.

__________________________________________

Democracia à força na CBDA

Após quase 30 anos no poder, Coaracy Nunes terá oposição na próxima eleição da CBDA

E precisou que um mandado de segurança tenha dado entrada no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro para que um mínimo de senso democrático exista na próxima eleição da CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos), marcada para o próximo dia 9 de março. Assim, por força da Justiça, Coaracy Nunes, que comanda a entidade desde 1988, terá um concorrente no pleito.

O mandado de segurança que visa assegurar uma eleição de verdade e não somente uma aclamação foi feito pelo ex-nadador olímpico e agora advogado, Eduardo Fischer, em favor de Julian Aoki Romero, fundador do movimento “Muda, CBDA”, criado no final do ano passado justamente para buscar uma alternativa no comando dos esportes aquáticos brasileiros.

“Nunca, desde a entrada do atual presidente da CBDA, houve uma chapa de oposição. Isso é, escancaradamente, antidemocrático”, disse Fisher, em carta aberta a nadadores e à imprensa. A entidade já havia barrado a iniciativa de Julian Romero (irmão do ex-nadador olímpico Rogério Romero) em registrar uma chapa de oposição, alegando que o grupo não havia cumprido alguns trâmites burocráticos, como registrar a candidatura em data que não havia expediente na CBDA, bem como obter o apoio de pelo menos cinco federações estaduais.

“E também, como se ainda não bastasse, a própria chapa da situação, a qual faz parte o Sr. Coaracy, também não apresentou ou publicou sua candidatura com as ‘cinco indicações’, e nem por isso sua candidatura foi impugnada”, escreveu Fischer, no texto do mandado de segurança.

Não existe a menor chance que a chapa de Julian Romero vença esta eleição, especialmente por conta da dependência das federações estaduais do (muito) dinheiro que a CBDA tem, em razão do milionário contrato com os Correios. Mas já é um alento a possibilidade de existir um movimento que queria, ao menos, apresentar uma alternativa ao que se apresenta aí há quase 30 anos.

________________________________________________

Justiça nega liminar e eleição na CBDA não deve ter oposição

A menos que ocorra uma reviravolta jurídica, a próxima eleição da CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquático) deverá referendar o nome de Coaracy Nunes para mais um período à frente da entidade. O pedido de mandado de segurança feito pelo ex-nadador e advogado Eduardo Fischer, em favor de Julian Aoki Romero, fundador do movimento “Muda, CBDA”, foi negado pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Veja também: Confederação de ginástica faz eleições. Ao menos aqui a oposição pode recorrer

Dessa forma, Coaracy, que concorre pela situação, será reeleito em 9 de março, data do pleito, para mais um mandato, praticamente por aclamação. Em contato com o blog, Fischer, ex-nadador olímpico, disse que pretende recorrer. “Eu ainda não vi o despacho do Juiz e seus argumentos. Esse documento não se encontra disponível no site e ainda não foi publicado em diário oficial. Pretendemos recorrer sim, mas o tempo conspira contra nós. Antes de agravar para o TRF, precisamos saber o conteúdo do despacho do juiz negando a liminar”, explicou.

Coaracy Nunes está no comando da CBDA desde 1988. E sem deixar a oposição concorrer, ficará mais quatro anos no poder. Deve ser muito bom ser dirigente esportivo no Brasil…

About Eduardo Fischer

Eduardo Fischer é catarinense e natural de Joinville. Ex-Atleta Olímpico de natação da seleção brasileira e medalha de bronze no Mundial de Moscou, Fischer defendeu o país em dois Jogos Olímpicos (Sydney/2000 e Atenas/2004), 6 Campeonatos Mundiais e 1 Pan-Americano (Prata e Bronze). Bacharel em Direito e Advogado pela OAB/SC, Eduardo é especialista em Direito Empresarial pela PUC/PR e em Direito Tributário pela LFG/SP. Atualmente aposentado das piscinas, trabalha com Consultoria Tributária em um respeitado escritório de Advocacia (CMMR Advogados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *