GP de INDY…

Primeiro dia de eliminatórias aqui em Indianápolis.

Pra mim, os 100 peito.

Para a atual circunstância, não foi tão ruim, mas também não foi bom.

Nadei para 1.03.92 e para entrar na final A tinha que nadar para 1.03.43…

Acabei ficando com o 6o tempo da final B.

Vou tentar nadar um pouco melhor a tarde. Senti meio estranho… Mas tudo bem, afinal é a primeira competição do ano, e nenhum descanso.

Demais resultados dos brazucas:

200 livre feminino – Tatiana Lemos vai para a final B 13o 2:04:02, Julia Volkman 80o 2:11:27.

200 livre masculino – Nicolas Oliveira também final B 12o 1:52:34, 25o Victor Rodrigues 1:55:57, 33o Vinicius Waked 1:55:74.

100 peito masculino – Felipe Lima 6o 1:03:19, Eduardo Fischer 14o 1:03:92, Diego Ucho 35o 1:06:22.

100 borboleta feminino – Fabíola Molina 4o 1:00:58, Dandara Antonio 9o 1:01:95.

100 borboleta masculino – Kaio Márcio 2o tempo 53:93, Glauber Silva 23o 55:71, Ricardo Oliveira 32o 56:34, Raphael Mattioli 57:84.

400 medley feminino – Julia Gerotto 11o 5:00:09.

FONTE: bestswimming.com

É isso…

Abraço,

FISCHER.

About Eduardo Fischer

Eduardo Fischer é catarinense e natural de Joinville. Ex-Atleta Olímpico de natação da seleção brasileira e medalha de bronze no Mundial de Moscou, Fischer defendeu o país em dois Jogos Olímpicos (Sydney/2000 e Atenas/2004), 6 Campeonatos Mundiais e 1 Pan-Americano (Prata e Bronze). Bacharel em Direito e Advogado pela OAB/SC, Eduardo é especialista em Direito Empresarial pela PUC/PR e em Direito Tributário pela LFG/SP. Atualmente aposentado das piscinas, trabalha com Consultoria Tributária em um respeitado escritório de Advocacia (CMMR Advogados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *