OPEN – DAY 2…

Consegui…

O Daniel (Batata) me emprestou um Jaked para eu nadar os 50 hoje e os 100 amanhã…

Ele tinha 2 e deixou um comigo! Obrigado Dani!

E prova até que não foi ruim. Mandei um 27″56 e fiquei em 4o lugar. Meu melhor é 27″3, então até que ficou próximo. Claro que a gente quer sempre melhorar, mas nem sempre é possível, mas quem sabe amanhã?!

A competição continua ruim… como se não bastasse todos os problemas que eu citei no post anterior, o sistema de séries está MUITO demorado. Levou 1h30 para fazer 2 provas de 50… Tá fogo!

E o Cesão ein?! Não deu… Mas ficou bem perto! Foi bem bacana mesmo assim, um super tempo! 21″02… Acho que ele perdeu mesmo na saída (0,70) de reação, o normal dele é na casa de 0,65.

Mas também, o Sapucaia rasgou o traje dele na série antes da série do Cesão, então esperaram ele trocar, levou uns 7 min de espera que a última série não estava prevendo, atrapalhou um pouco a concentração dos caras…

Mas é isso… Para a última competição do ano e cansado, estou gostando dos resultados até agora.

UM ABRAÇO!

FISCHER.

About Eduardo Fischer

Eduardo Fischer é catarinense e natural de Joinville. Ex-Atleta Olímpico de natação da seleção brasileira e medalha de bronze no Mundial de Moscou, Fischer defendeu o país em dois Jogos Olímpicos (Sydney/2000 e Atenas/2004), 6 Campeonatos Mundiais e 1 Pan-Americano (Prata e Bronze). Bacharel em Direito e Advogado pela OAB/SC, Eduardo é especialista em Direito Empresarial pela PUC/PR e em Direito Tributário pela LFG/SP. Atualmente aposentado das piscinas, trabalha com Consultoria Tributária em um respeitado escritório de Advocacia (CMMR Advogados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *