Ô TEXTINHO RUIM!!!!

Olá pessoal…

A senhora Suzana Schreiner (jornalismo@suzanaschreiner.com.br) que me perdoe, mas não entendi o que ela quis com esse texto…

Apenas depreciar a participação brasileira? Ou dizer que a Natação do Brasil se resume ao César Cielo?

Não que ele não seja o melhor… É claro que é, mas poxa, calma lá né?!

Extremamente infeliz!

Uma coisa que eu não consigo compreender é o fato que nós “atletas amadores”, ou “não jogadores de futebol”, possuímos uma dificuldade gigantesca de conseguir patrocínios e espaço em mídia nacional, e ao invés de ajudar, alguns jornalistas conseguem, sem motivo nenhum aparente, piorar nosso prognóstico que já não é dos melhores.

O que ela ganhou com a publicação desse texto? Ele nem sequer reproduz a realidade. No mesmo dia ainda, Fabíola ganhou a medalha de prata nos 50 costas com um baita tempo! E isso ela nem mencionou…

ABRAÇO!

FISCHER.

Segue o texto:

“O Brasil não conseguiu conquistar medalhas nas finais dos 50m peito e 100m livre da Copa do Mundo de natação que está sendo realizada em Durban, na África do Sul. Sem contar com César Cielo, especialista dos 100m, Eduardo Fischer e Guilherme Roth-Santos ficaram em posições medianas.

Nos 50m peito, Fischer fez o tempo de 26s88, quase um segundo mais lento que o vencedor da prova, o sul-africano Roland Schoeman, que fez 25s90. Na sequência, mais dois nadadores locais: o recordista mundial da modalidade Cameron Van Den Burgh ficou com a prata (25s94) seguido por Neil Versfeld (26s47).

Já nos 100m livre, Roth ficou com a modesta sexta colocação, com o tempo de 47s32. O vencedor foi o russo Sergey Fesikov, que completou o percurso em 46s30. Completando o pódio, o sueco Stefan Nystrand ficou 0s23 mais lento e terminou com a parta, enquanto o sul-africano Lyndon Ferns fez 46s57 e ficou com o bronze”.

About Eduardo Fischer

Eduardo Fischer é catarinense e natural de Joinville. Ex-Atleta Olímpico de natação da seleção brasileira e medalha de bronze no Mundial de Moscou, Fischer defendeu o país em dois Jogos Olímpicos (Sydney/2000 e Atenas/2004), 6 Campeonatos Mundiais e 1 Pan-Americano (Prata e Bronze). Bacharel em Direito e Advogado pela OAB/SC, Eduardo é especialista em Direito Empresarial pela PUC/PR e em Direito Tributário pela LFG/SP. Atualmente aposentado das piscinas, trabalha com Consultoria Tributária em um respeitado escritório de Advocacia (CMMR Advogados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *